Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Cinematográfica e do Audiovisual dos Estados de São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Tocantins e Distrito Federal.

13/06/2017

Acidentes no set: como proceder



Quando acontece um acidente no set, ou em atividades relativas à filmagem, o acidentado pode contar com o seguro que seu contrato já inclui. Trata-se do seguro obrigatório que a produtora deve fazer em qualquer produção audiovisual.
O seguro do set de filmagem é para vida e acidentes pessoais, vale durante as 24 horas dos dias contratados para a produção, inclusive deslocamentos, e cobre despesas médicas hospitalares.
No caso de acidente, o indicado é que o atendimento do acidentado seja feito em hospital particular, sem utilizar o plano de saúde da pessoa e nem o SUS. O seguro cobre também a continuidade do tratamento fora do hospital e outros serviços de saúde, como fisioterapia.
O que se DEVE fazer:
  • Socorrer o acidentado e encaminhá-lo para atendimento em hospital particular
  • A produtora deve arcar com o custo do atendimento
  • O hospital deve gerar uma nota fiscal do atendimento.

O que NÃO se deve fazer:
  • Não se deve utilizar o plano de saúde particular do acidentado
  • Não se deve utilizar atendimento pelo SUS

Caso o atendimento seja no SUS, ou se utilize o plano de saúde do acidentado, ainda assim o acidentado poderá recorrer ao seguro para a continuidade do tratamento.
A produtora deve contratar seguro por todo o período efetivamente trabalhado. Caso a produção se estenda para além da data prevista no seguro, este deve ser também estendido. Por exemplo: o seguro foi contratado até do dia 28/4 mas houve imprevistos e a filmagem vai se estender até a madrugada do dia 29 - nesse caso é preciso entrar em contato com a seguradora e ampliar a vigência do seguro.

Todas as notícias

Produzido por PROCEDI