Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Cinematográfica e do Audiovisual dos Estados de São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Tocantins e Distrito Federal.

Voltar
Notícias
publicado em 31/08/2017 - Notícias

Somos Técnicos em Espetáculos de Diversão com função cinematográfica

Todo novo registro profissional (DRT) de técnicos de cinema no Ministério do Trabalho atualmente é emitido na categoria “Técnico em Espetáculos de Diversão”. Essa é a denominação utilizada desde janeiro de 2014.

A especificação da área de atuação vem na descrição da função: assistente de câmera de cinema, maquiador de cinema, ou funções que só existem no cinema, como diretor de dublagem e montador de filme cinematográfico. Várias das funções descritas já não existem, ao mesmo tempo que várias novas ainda não foram incorporadas à legislação, por isso não são descritas. 

A categoria “Técnico cinematográfico” foi utilizada até dezembro de 2013. Com a informatização dos sistema de controle do Ministério do Trabalho, passaram-se a usar apenas as funções e categorias descritas na lei de 1978. Só os profissionais que obtiveram seu DRT até essa data receberam registro com a categoria “Técnico cinematográfico”. A partir de então, os registros são emitidos como “Técnicos em Espetáculos de Diversão”. 

Nenhuma produtora pode exigir apenas DRTs de “técnico cinematográfico”. Eles são válidos, mas os atuais são DRTs de “Técnicos em Espetáculos de Diversão”, especificando função cinematográfica. 

Essa categoria também abrange teatro (Sated), telenovelas e radiodifusão (Sindicato dos Radialistas), mas os profissionais precisam de registros (DRT) específicos para atuar em cada área.

A Lei 6.533 de 24 de maio de 1978 regulamenta a profissão:

E no anexo à lei estão os títulos e descrições das funções; está disponível para download no endereço

Sindcine é uma marca registrada. Todos os direitos reservados.