Painel do Associado
Seja bem vindo ao
PAINEL DO ASSOCIADO


Voltar
RECUPERAÇÃO
DE SENHA

Atenção, enviamos o e-mail de recuperação de senha para:

Por favor, verifique seu e-mail para recuperar sua senha.

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Cinematográfica e do Audiovisual dos Estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Tocantins e Distrito Federal.

Voltar
Notícias
publicado em 01/05/2020 - Notícias

MENSAGEM DE 1º DE MAIO DA UNI GLOBAL UNION

Montevidéu, 30 de abril, 2020
Prezadas companheiras e companheiros,

Este um Primeiro de Maio diferente. Nos toca atravessar uma nova realidade que impacta diretamente na cotidianidade das e dos trabalhadores, mas também na de suas famílias. É um Primeiro de Maio diferente, porque este dia não nos encontrará nas ruas da nossa região ou reunidos para comemorá-lo, mas continuamos ficando presentes. A partir do começo desta crise nos encontraram negociando para defender nossos direitos; reclamar medidas de segurança para cada um dos nossos companheiros e companheiras; nos escutaram pressionando os governos e às empresas para que se implementem os protocolos de saúde e segurança no trabalho. Em alguns países o temos conseguido; em outros continuamos pressionando para visibilizar as atrocidades que continuam acontecendo.

O movimento sindical não teve descanso. Continuamos na primeira linha, exigindo aos governos que a COVID19 seja reconhecida como doença trabalhista, reclamando que aqueles que trabalham nesta crise sanitária tenham proteção e que suas vidas não sejam colocadas em risco. Somos nós quem geramos riquezas e para sair desta crise será necessário que nos escutem. Não queremos mais trabalhadoras nem trabalhadores infectados nem falecidos; hoje mais do que nunca precisamos de Estados presentes, que garantam acesso à saúde, inclusão social, pensões dignas, direito à sindicalização e respeito pela negociação coletiva.

Também não podemos esquecer às pessoas que estão na informalidade e que não têm proteção social ou não formam parte de um sindicato para defendê- los. Aproveitemos nossa força e o papel que o movimento sindical tem jogado durante a crise para chegar a estas pessoas e apoiá-las, elevando suas vozes e defendendo seus direitos. Não é menos importante que neste período de quarentena onde dizemos a todos que o melhor é o isolamento social e "ficar em casa" existem no mundo milhares de pessoas que não têm casa, que não têm acesso ao sistema de saúde e que também não têm comida nas suas mesas. Levemos-lhes a nossa solidariedade, mas principalmente incluamos suas exigências por uma vida digna como parte das exigências sociais que o movimento sindical deve levar adiante para a pós crise. Que o Estado do futuro seja inclusivo, que combata a desigualdade e que nós, o movimento sindical, sejamos os atores da mudança que tanto defendemos.

Na comemoração deste Primeiro de Maio, reafirmamos nosso compromisso como a UNI para construir um mundo diferente. Queremos levar sua voz, que é a nossa voz, no contexto internacional, destacando que os sindicatos têm um papel importante nesta nova realidade, durante e depois da crise. Hoje mais do que nunca, a única resposta é coletiva.

Viva o Primeiro de Maio de evocação, luta e resistência!


Marcio Monzane 
Secretario Regional 
UNI Américas

Héctor Daer
Presidente
UNI Américas 

A UNI Global Union (www.uniglobalunion.org), da qual o Sindcine faz parte, é uma federação internacional de sindicatos de trabalhadores no setor de serviços, que representa mais de 20 milhões de trabalhadores em cerca de 150 países. Isso inclui audiovisual, segurança, limpeza, comércio, comunicação, tecnologia, entretenimento e outros. A UNI alcançou mais de 50 acordos globais com empresas multinacionais para condições de trabalho justas para mais de 10 milhões de trabalhadores em todo o mundo. 

 

Sindcine é uma marca registrada. Todos os direitos reservados.
Carregando . . .